26 de fevereiro de 2013

7

Brigadeirão fácil de microondas

Confesso a vocês que nunca fiz prato salgado, bolo e sobremesas no microondas. Quando vi esta receita no site do Mais Você, fiquei com vontade de fazer para ver se realmente dava certo.

E não é que deu mesmo?? Fiquei tão feliz!! rs. Eu dei uma modificada na receita original (óbvio que eu mudaria algo, sou sempre rebelde, rs).



Ingredientes:

1 lata de leite condensado (usei light)
1 caixinha de creme de leite
1/2 xícara de cacau em pó (aquele puro sem açúcar)
2 colheres (sobremesa) de açúcar
1 colher (sobremesa) de margarina
3 ovos


Modo de Preparo:

Bata todos os ingredientes no liquidificador. Bata bem.
Depois coloque em uma forma com buraco no meio que possa ir no microondas. Eu usei uma forma de vidro.
Untei a forma com margarina.
Leve ao micro-ondas na potência alta por 8 minutos.
E não é que deu certo?? Ficou delicioso! rs.





Essa foi a forma que usei.



Beijos :o))




23 de fevereiro de 2013

7

Blogagem Coletiva: Esmalte + Salada (Tem sorteio também)

Hoje a blogagem coletiva é de salada. Fico super a vontade de falar deste assunto, porque salada simplesmente é minha vida.
Minhas refeições precisam ser acompanhadas de salada e sempre muita salada para que o restante seja bem pouco. Muitas vezes como só salada mesmo, principalmente quando estou viajando que fica difícil conciliar pratos saudáveis com a região que estamos. Então vou de salada sempre!

Uma coisa que odeio são aquelas saladas com molhos, tipo saladas do Outback. Esse tipo de salada tem  muita caloria e também não dá para sentir o gosto da salada e sim só dos molhos. Então já fico esperta em restaurante, já pergunto se vem com molho. Se vier, peço para que retire da minha salada e eu mesma faço o tempero na mesa.

Minha salada do dia a dia é temperada apenas com um pouco de azeite, vinagre balsâmico e pimenta moída na hora.
As vezes preparo um molhinho em casa, mas esse sim é bem saudável. Geralmente a base é de iogurte ou creme de ricota light.

Salada precisa me acompanhar tanto no verão quanto no inverno. Antes de uma sopinha no inverno, gosto de comer uma saladinha. Virou hábito!!!

O esmalte que passei foi: Elke - 4ever Friends. Nada mais adequado, porque a salada é minha amiga de todas as horas, rs.



Link de duas saladas com frutos do mar. Fica delicioso!!!

http://mundocarolvieira.blogspot.com.br/2012/02/salada-de-camarao-pos-carnaval.html
http://mundocarolvieira.blogspot.com.br/2012/02/salada-com-king-crab-caranguejo-gigante.html


Gosto muito incrementar as saladas em casa com frutas como: kiwi, furtas vermelhas, manga, abacaxi, avocado... Fica muito bom!!



Venham participar do sorteio aqui do blog. Sorteio bem simples! Basta acessar o link abaixo:

http://mundocarolvieira.blogspot.com.br/2013/02/viagem-lima-peru-sorteio.html


Para participar da blogagem coletiva, basta acessar o site da Fernanda Reali, lá você encontrará as informações corretas.

http://www.fernandareali.com


Beijos e um lindo final de semana :o)))

15 de fevereiro de 2013

15

Viagem: Peru (Lima) + Sorteio

Decidimos ir a Lima em fevereiro, porque é uma das melhores épocas para esta viagem já que a cidade não fica o tempo todo encoberta por neblina.
Já havíamos lido relato de pessoas que odiaram Lima, por passar todos os dias com tempo nublado e cinza.
Acontece que em fevereiro o calor é muito grande, o tempo fica aberto, mas de repente bate uma névoa bem baixa que ajuda a refrescar. Geralmente perto do Shopping Lacomar o tempo fica branquinho de névoa e nos bairros mais afastados do litoral aí o céu fica azul quase o tempo todo.

Teve dia que amanheceu todo branco, a tarde ainda com névoa, mas você acredita que o tempo limpou no final do dia e teve até pôr do sol?

Lima é uma cidade que você não se apaixona a primeira vista, mas depois de algumas horas andando pela cidade, você fica encantada.
A cidade é limpa, os jardins floridos, as pessoas são super educadas e gentis, a gastronomia é fortíssima e os pontos turísticos são bem conservados.

A saída do aeroporto e os bairros próximos são bem simples. O trânsito em modo geral é muito caótico, com muitas buzinas, semáforos que duram uma eternidade no vermelho e um segundo no verde.

Nós nos locomovemos o tempo todo de taxi, porque alugar carro lá é suicídio, rs.

Como os taxis não tem taxímetro, você tem que negociar a cada vez que for pegar um taxi. O taxista sempre joga um valor lá em cima e você coloca lá embaixo e aí começa a negociação até fechar um valor legal.
Se não conseguir um bom valor, não se preocupe, porque atrás já terá uma fila de taxista para negociar com você. É uma fartura de taxi. Então não há necessidade de pagar caro.

Como tivemos muita sorte com o tempo, deu para aproveitar muito e tirar lindas fotos.

Fomos conhecer o centro histórico. Sempre é aconselhável ir durante o dia porque tem policiais pelas ruas. O melhor dia de ir é no sábado, já que durante a semana o trânsito é muito grande e aos domingos as igrejas são fechadas.
Impressionante como as ruas são limpas...

Visitamos a Catedral de Lima e Museu do Palácio Episcopal, a Iglesia e Mosteiro de San Francisco, Plaza Maior, Palácio do Governo, Passagem Santa Rosa, Prefeitura de Lima, Praça San Martin e arredores do centro histórico.















Visitar o shopping Larcomar é obrigatório... O shopping é todo aberto, encravado em um barranco com uma vista linda. Com sorte você verá um pôr do sol maravilhoso!





Visitamos o parque Kennedy, a Pachacámac (contratamos a empresa Mirabus, onde tem um quiosque na praça Kennedy), Museu Larco Herrera, Parque de La Reserva, Circuito Mágico das Águas, Ponte dos Suspiros e andamos por Barranco.






































Visitamos também as ruínas de Huaca Pucllana, Mercado Inka em Miraflores, Mercado do Surquillo e Parque do Amor.













Visitamos a Huaca Huallamarca e aproveitamos para andar em San Isidro e Museu del Oro.

























A gastronomia é muito forte, com restaurantes maravilhosos e pratos de se comer com os olhos. O chef Gastón Acurio assina alguns restaurantes por lá e também é um dos chefs mais conceituados de Lima.

A gastronomia é tão conceituada que a escola francesa de culinária Le Cordon Bleu abriu uma filial em Lima. A única filial da América Latina.

Eu não sou de comentar aqui no blog restaurantes que frequentamos, mas este aqui é praticamente obrigatório, rs.
Restaurante La Mar.


Vejam como os ônibus são antigos e velhos por lá!



Lima já teve terremoto e é uma cidade que a qualquer momento pode ter outro terremoto ou tsunami. Então por toda parte você vê placas dizendo que ali é seguro caso de terremoto (Sismo), sinalizações nas ruas para que as pessoas possam se agrupar e também placas para onde correr em caso de tsunami.

Já viajamos para outros lugares propensos a terremotos e tsunamis, mas não havia tantas sinalizações como Lima. Gostei, porque nós como turistas e sem preparo nenhum para esse tipo de acontecimento, dá para saber exatamente para onde correr, onde se abrigar...



Dicas:

- Aconselho se hospedar em Miraflores, porque é um dos bairros mais turísticos, com muitas coisas por perto;
- Se for em fevereiro levar protetor solar, chapéu ou boné;
- Roupas confortáveis e sapato fechado para visitar Pachacámac e Huaca Pucllana, porque é uma areia bem fina e entra no sapato;
- Beber muita água;
- Pegar os taxis com carros mais novos;
- Explorar muito a gastronomia. Experimente o verdadeiro ceviche, pisco sour, as variedades de milho e até o suco de milho que parece vinho.


SORTEIO:

Para presentear as pessoas que passam por aqui, trouxe uma bonequinha para pendurar na porta ou no armário. Muito colorida e linda!

Como participar?

- Endereço de entrega no Brasil;
- Ser seguidor do blog;
- Deixar um comentário neste post.


O sorteio será dia 01/03 pelo random.





Beijos :o)))